Ideias geniais para criar um cantinho de estudos no quarto das crianças

 

Não foram somente os adultos que precisaram se adaptar às mudanças trazidas pela pandemia de Covid-19. De uma hora para outra, as crianças também tiveram que encarar uma nova realidade que trouxe uma série de desafios para elas. Uma das principais mudanças vivenciadas pelos pequenos foi a transição da escola presencial para as aulas on-line, que foram adotadas na grande maioria das cidades brasileiras.

Para muitas crianças, sentar na frente de uma tela de computador, tablet ou celular e ficar assistindo aulas on-line é algo difícil e cansativo. A boa notícia é que se o ambiente de estudos for tranquilo e organizado, as chances de os pequenos se sentirem confortáveis durante as aulas é muito maior. Por esse motivo, nós trouxemos algumas dicas elaboradas em parceria com a Plataforma Habitissimo que irão ajudá-lo a criar um cantinho ideal para as crianças estudarem.

O essencial

Você não precisa de uma mega estrutura para criar um local apropriado aos estudos das crianças. O essencial é ter uma mesinha infantil que seja adequada ao tamanho da criança, além de uma cadeira confortável.

Se for possível, opte por uma escrivaninha que tenha gavetas ou nichos, pois isso facilita a organização durante os estudos. Além disso, ter uma lixeirinha por perto também evita o acúmulo de papéis e ajuda a manter o ambiente mais limpo.

Funcionalidade com móveis planejados

Para quem não possui muito espaço no quarto das crianças, o ideal é investir nos móveis planejados, pois eles permitem aproveitar melhor os poucos metros quadrados disponíveis no ambiente. Com a ajuda dos móveis planejados, é possível criar peças sob medida para atender às necessidades de cada criança, e quem sabe até integrar em uma mesma estrutura o guarda-roupas, cama e escrivaninha.

Aproveitando a janela

Um dos fatores que mais interferem na concentração das crianças é a iluminação do ambiente, por isso se for possível posicione o cantinho de estudos em um local próximo à janela, para aproveitar da melhor forma a luz natural. Porém, se a vista da janela oferecer muitas distrações, pode ser interessante inserir uma cortina clara, que a permita a passagem da luz solar, e assim evitar que a criança acabe se dispersando durante os estudos.

Opções de armazenamento

Para que as crianças possam guardar seus materiais escolares e manter o cantinho de estudos sempre organizado, é fundamental inserir nesse espaço algumas opções de armazenamento, como por exemplo prateleiras que elas possam alcançar, uma pequena estante, gaveteiros com rodinhas para serem movimentados de acordo as necessidades, caixas organizadoras, nichos e tudo aquilo que possa ser usado para guardar livros, pastas, etc.

Luzes artificiais

Por mais que você consiga posicionar a mesinha de estudos próxima a uma janela para aproveitar bem a iluminação natural, é importante inserir também uma fonte de iluminação artificial para garantir que o local fique sempre bem iluminado. Uma boa aposta são as luminárias de mesa, que não ocupam muito espaço e permitem direcionar a luz para um ponto específico. Além disso, a luz do ambiente também deve estar bem posicionada para evitar que a mesa de estudos fique escura e isso atrapalhe a criança.

Decoração que faz a diferença

O fato de a criança precisar se concentrar para conseguir um bom desempenho escolar não significa que o cantinho de estudos precisa ser todo neutro e sem vida. Inserir nesse espaço alguns elementos decorativos que agradem as crianças é uma ótima forma de fazer com que ela tenha vontade de passar mais tempo estudando. Para isso, os pôsteres, quadros, adesivos e outros elementos que a criança se identifique podem ser bons aliados.

Compartilhando o espaço

Em muitas famílias é preciso que as crianças compartilhem o cantinho de estudos, já que não é possível criar um espaço para cada uma. Nessas situações, o ideal é que a mesinha de estudos seja um pouco mais ampla e permita que as crianças consigam se movimentar enquanto estiverem sentadas sem esbarrar umas nas outras. Quando o compartilhamento não for possível, uma boa solução é revezar o uso da mesinha, para que nenhuma criança fique sem estudar.

Fonte: Vivadecora / Habitissimo

You may also like...